Ensaio

Euzilene | Feliz sempre!

Tive uma grande necessidade de fazer um ensaio assim. Necessidade essa de poder compartilhar, necessidade de incentivar, necessidade de poder ajudar outras mulheres que passam por essa luta, a verem que esse momento difícil do enfrentamento e tratamento do câncer de mama pode ser encarrado com mais leveza. Fizemos esse ensaio fotográfico com essa finalidade, de poder mostrar que neste momento, onde a mulher pode ser sentir frágil, pode também encontrar beleza e harmonia. Euzilene, ou Tia Euzilene, ela é irmã da minha sogra, tia da minha esposa, aceitou com carinho o convite para esse lindo ensaio. O que resta a uma mulher se seus longos cabelos forem subtraídos? E se, com dois filhos , o diagnóstico for de câncer? E se olhar para esses filhos e pensar que isso não é justo com eles? As respostas para ela é FORÇA, CORAGEM E FÉ!! Porque o câncer de mama não precisa mais ser fatal e nem precisa ser escondido. O medo dele (e do que a sociedade vai pensar) não pode ser maior do que a coragem de procurá-lo (e encará-lo se ele aparecer). Aproveito pra colocar as palavras já conhecidas de nossa amiga Bruna Cunha na ajuda que tem prestado ao longo dos anos: "Que seja leve, que seja breve!"