Ensaio Itabira

Moça do Campo

Moça me espere amanhã levo o meu coração

Pronto pra te entregar

Moça moça eu te prometo eu me viro do avesso

Só pra te abraçar

Moça sei que já não é pura

Teu passado é tão forte pode até machucar

Moça, dobre as mangas do tempo

Jogue o teu sentimento todo em minhas mãos


Eu quero me enrolar nos teus cabelos

Abraçar teu corpo inteiro

Morrer de amor de amor me perder